Angra dos Reis teve mais uma noite agitada, marcada por violência e protesto. No bairro Sapinhatuba III, mais um tiroteio, entre policiais e bandidos. Ao mesmo tempo, moradores do local fechavam o trevo da BR-101, Rodovia Rio-Santos, que liga o Centro ao bairro. Eles protestavam contra a falta de luz.

O protesto durou cerca de duas horas e a pista só teve o fluxo retomado após a chegada de equipes da Polícia Rodoviária Federal(PRF). Na sexta-feira, outro confronto entre policias e criminosos já tinha sido registrado no Sapinhatuba I, II e III.

Não há informação de feridos. Há cerca de quatro meses, traficantes queimaram e atravessaram um ônibus próximo ao local onde ocorreu o protesto. A intenção era impedir o acesso de viaturas da PM nos três bairros.

Na tarde desse domingo, o aplicativo Onde Tem Tiroteio registrou troca de tiros nos morros do Carmo e Caixa D`água, no Centro de Angra dos Reis, além de Monsuaba.  Por volta de 1h desta segunda-feira, o mesmo aplicativo registrou tiroteio no bairro Promorar.

A sequência de tiroteios teve início no dia seguinte à retirada das tropas do Exército, há uma semana, no município.  Desde o início deste mês foram registrados de 50 tiroteios na cidade, com média de dois tiroteios por dia.

Deixe uma resposta