Que o salário dos políticos brasileiros são altos, disso ninguém tem dúvida, mas você sabia que além de receberem um dos maiores pró-labores do mundo, nossos representantes aqui no Brasil possuem uma série de benefícios?

Um levantamento feito em 2017 pela organização não governamental (ONG) Contas Abertas concluiu que o custo somente com o poder Legislativo por hora é de 1,16 milhão de reais ao contribuinte brasileiro, incluindo recessos parlamentares, finais de semana e as segundas e sextas-feiras, que é quando os digníssimos deixam a capital federal de volta para suas cidades.

Cada deputado federal, por exemplo, recebe um salário bruto de R$ 33,7 mil. Os 513 deputados federais custam, em média, R$ 86 milhões ao mês e um custo anual de R$ 1 bilhão. Cada senador também tem um salário bruto de R$ 33,7 mil. Cada parlamentar pode ter 25 assessores, um senador pode ter 50, 60, inclusive no seu próprio escritório de representação.

Além de receberem em média, 35 salários mínimos, nossos representantes possuem alguns benefícios extras, tais como: Verbas extras para moradia, funcionários, aluguel de escritório, telefone, veículos, combustível, divulgação do mandato, passagens aéreas, entre outras coisas. Plano de saúde em condições vantajosas e até vitalício.

Em relação aos gastos com parlamentares em relação ao PIB (Produto interno Bruto), ocupamos a sexta posição. À frente, gastam mais com seus representantes algumas das nações mais pobres do planeta, como Nigéria, Gana e Quênia, que lideram o ranking da disparidade entre as despesas com parlamentares e a média da riqueza de sua população.

 

Compartilhe essa notícia!

Deixe uma resposta