A eleição de 2018 está se aproximando e o cenário político anda agitado na cidade. Muitos nomes conhecidos estão em pauta e outros sendo especulados. Para deputado federal, temos como pré-candidatos o conhecido Ademir Melo, que está em conversas avançadas com o PHS. O empresário Alexandre Martins, diretor da empresa AM4, também deve se candidatar e vem conversando com alguns partidos, entre eles o PSL e o PEN. O empresário Bruno Marini, que disputou a última eleição para prefeito pelo PP, caso confirme sua decisão deverá sair a deputado federal pelo DEM, mesma sigla do presidente da Câmara Federal, Rodrigo Maia. Outro nome que surgiu no cenário foi o do publicitário Elias Raffide, que pretende se filiar ao Novo.
Para deputado estadual, a cidade conta com alguns pré-candidatos, como o secretário de Saúde, Sérgio Gomes, o presidente da Câmara Municipal, Marcelo Borges, que deve deixar o PDT para se filiar ao PHS. Os vereadores Vicentinho (PSB) e Thiago Valério (PPS) também manifestaram o desejo de se candidatarem, porém o último não deve mais lançar seu nome. O presidente do PTB e coordenador do Centro do Idoso, Dudu Pimentel, também é especulado como pré-candidato, assim como o secretário de Ordem Pública, Luiz Furlani (PV). A professora Clarice deve ser a pré-candidata do PT no município. Já o PSL estuda lançar o engenheiro Felipe Queiroz.

Se souber outros nomes que podem concorrer ao pleito de 2018, nos mande para que possamos atualizar nossa lista. E você? Já sabe em quem vai votar?

Comments

  1. Boa tarde a redação da Folha Rio Sul! Informo que desde meados de 2017 não faço mais parte do quadro de filiados do PCdoB. Estamos em conversa avançada para fecharmos meu ingresso em outro partido ainda essa semana, qdo também estaremos definindo nossa participação no pleito desse ano.
    Grato.
    Ueslei Carlos de Brito
    Ueslei da Farmácia

Deixe uma resposta