Justiça Federal de São Paulo bloqueou o pagamento

A 10ª Vara de Execuções Fiscais da Justiça Federal de São Paulo bloqueou o pagamento de R$ 890 milhões em dividendos da CSN.

No dia 17 de agosto, os dividendos foram declarados e o pagamento estava previsto para a próxima quinta-feira (30). A empresa havia informado que a “remuneração fazia parte do esforço para alongar seu passivo financeiro que permitiu ao mesmo tempo concluir o reperfilamento de dívida de curto prazo com o Bradesco”.

Em uma nota enviada para a CVM (Comissão de Valores Mobiliários), a Companhia Siderúrgica Nacional disse estar surpresa com a decisão judicial.

Fonte: Diário do Vale

Crédito da imagem: Portal Negócios Já

Deixe uma resposta