Anna Clara Guizzi tem 20 anos e está internada em um hospital de Las Vegas. Familiares fazem vaquinha online para ajudar nos custos do tratamento.

Nas redes sociais dos moradores de Resende (RJ) o assunto era apenas um nesta terça-feira (3): o AVC hemorrágico da jovem Anna Clara Guizzi. De férias nos Estados Unidos, a universitária de apenas 20 anos já tinha visitado Orlando e seguiu para Las Vegas com o namorado e familiares dele. Quando, no último dia 20 de março, acordou com o nariz sangrando e o passeio começou a se tornar um pesadelo.

“A gente achou que era o tempo seco de Las Vegas, né?! Dia 21, 22 ela começou a sentir fraqueza na mão e na perna e o ouvido entupido. Dia 24 ela pediu pra ir pro hospital com muita dor de cabeça. Os médicos fizeram vários testes e receitaram um antibiótico pro ouvido. Dois dias depois ela acordou com o olho vesgo, o olho caído, sem mexer o braço, sem mexer a perna… Daí eu liguei pros paramédicos e trouxemos ela de volta pro hospital. Daí fizeram tomografia e viram que ela teve um AVC hemorrágico causado por um angioma”, explicou Marco Antônio Matos Alves, namorado da jovem, por telefone.

Desde então, Anna está internada na UTI do Sunrise Hospital & Medical Center, em Las Vegas. Ainda de acordo com o namorado, ela apresentou sinais de melhora mas a área onde sofreu o sangramento é muito delicada, na base do cérebro. A jovem está consciente, estável mas não tem movimentos de braços e pernas do lado direito do corpo.

“Eu fiquei bem assustado quando fiquei sabendo. Há um mês a gente fez um trabalho junto sobre adoação de animais. A Anna é muito fofa. Muito triste tudo isso que está acontecendo… Foi um sonho que se tornou pesadelo”, contou Fábio Soares, amigo da jovem.

Antes de viajar Anna fez o seguro-saúde no valor de U$ 15 mil dólares. Porém, os custos do tratamento são muito altos. Para tentar ajudar nas despesas uma vaquinha online está sendo feita. Até o fim da tarde desta terça, a conta do hospital passava dos U$ 60 mil dólares. Ela segue internada sem previsão de alta.

AVC hemorrágico

De acordo com o neurologista Luis Alexandre Cabral Pinto angioma é uma má formação do sistema vascular. A pessoa já nasce com ele e o sangramento das veias pode acontecer a qualquer momento.

“Não tem uma causa específica. O sangramento acontece quando a pessoa é mais jovem, porque ela nasce com isso, acaba se manifestando mais cedo, mas não é comum nessa idade, quando ocorre nessa idade é angioma, que não é tão frequente”, explicou ressaltando que “quando se descobre através do sangramento, existe um procedimento feito através da artéria que entope. Embolização é o nome do procedimento. É necessário complementar esse procedimento com cirurgia”.

As sequelas do AVC hemorrágico variam de acordo com o grau do sangramento. “Pode não ter sequela alguma ou até a morte quando o sangramento tem mais volume”, disse.

Compartilhe essa notícia!

Deixe uma resposta