A Secretaria Municipal de Saúde realizou na tarde desta terça-feira, dia 13, no auditório do UBM (Centro Universitário de Barra Mansa), o Fórum para apresentação e avaliação das propostas da IX Conferência Municipal de Saúde, ocorrida em julho de 2015. O objetivo do encontro foi discutir políticas públicas e melhorias no sistema de saúde do município, que farão parte do planejamento para os próximos anos de governo. Participaram do encontro membros do Conselho Municipal de Saúde, o secretário de Saúde do município, Sérgio Gomes, a vice-prefeita Fátima Lima e representantes da sociedade civil.

Após a apresentação das propostas, os convidados tiveram a oportunidade de apresentar ideias e solicitações para a atenção básica no município, que farão parte do relatório encaminhado para a Conferência Estadual de Saúde. “Esse encontro nos dá a possibilidade de planejar o passo a passo para a saúde do município. Toda verba oriunda das esferas federal e estadual serão direcionadas pelo que for definido aqui”, disse Sérgio Gomes, destacando ser de grande importância para Barra Mansa a discussão de novas ideias, principalmente diante da crise encontrada pela atual gestão.

A vice-prefeita Fátima Lima acredita que o Fórum contempla as propostas de governo apresentadas durante a campanha e que fazem parte do plano a ser executado até o fim do mandato do prefeito Rodrigo Drable. “Prometemos desde a campanha melhorar a saúde da cidade e o prefeito está empenhado em cumprir suas metas. Essa ligação entre governantes e a sociedade civil é o ponto de partida para alinhar as necessidades e os projetos a serem executados. A saúde só vai avançar se tiver essa parceria bem estabelecida”, destacou.

A assessora de Planejamento de Saúde, Isabela Correa, apresentou o plano de governo da Secretaria de Saúde na atual gestão e destacou a importância de elaborar políticas públicas para os próximos anos levando em consideração que o que for executado vai impactar diretamente na população. “Temos que planejar a melhor maneira de direcionar os serviços diante do desafio de amenizar todos os danos existentes”, afirmou.

Deixe uma resposta